GTNM

 
 
 

Busca

 
Acervo GNTM/RJ
REPÚDIO CONTRA AÇÃO DE POLICIAIS NO CAMPUS DA UNIFESP
O Grupo Tortura Nunca Mais do Rio de Janeiro repudia o ocorrido no Campus Baixada Santista da UNIFESP e junta-se a outras entidades apoiando a nota de repúdio da ADUNIFESP contra a ação de policiais no campus  *******  NOTA DE REPÚDIO da ADUNIFESP – SSind DIANTE DO OCORRIDO NO CAMPUS
Acervo GNTM/RJ
CARTA ABIERTA – EL OBSERVATORIO
 Reciba un cordial saludo del Observatorio para la Protección de los Defensores de Derechos Humanos. El Observatorio es un programa creado en 1997 por la FIDH y la Organización Mundial Contra la Tortura (OMCT), y tiene por objetivo intervenir para prevenir o remediar situaciones concretas de represión contra los defensores
Acervo GNTM/RJ
Apoio do Grupo Tortura Nunca Mais do Rio de Janeiro à nota do Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis
NOTA DE REPÚDIO À AÇÃO DA POLÍCIA CONTRA JOVENS  O CENTRO DE DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS DE PETRÓPOLIS, em apoio ao trabalho dos militantes de Direitos Humanos que são cada dia mais criminalizados no atual cenário de retrocesso de direitos, torna pública a nota de repúdio à Ação de Policiais
Acervo GNTM/RJ
Entrevista com Cecília Coimbra: A Juventude em questão
O Grupo Tortura Nunca Mais/RJ compartilha a entrevista concedida por nossa vice-presidente Cecília Coimbra ao Centro de Defesa de Direitos Humanos de Petrópolis (CDDH). A entrevista transitou por diversos assuntos, mas o tema central foi a juventude e suas lutas. A publicação original está no site do CDDH. Confira a
Acervo GNTM/RJ
Ato em Memória dos 43 Estudantes de Ayotzinada
No último dia 26 de setembro foi realizado na Cidade do México um ato em memória dos 43 estudantes de  Ayotzinada, desaparecidos há um ano. As investigações ainda estão em andamento e lograram poucos avanços. Devido a essa situação a ONU  determinou o acompanhamento das investigações pela Comissão Interamericana pelos Direitos Humanos
Acervo GNTM/RJ
Proposta de Lei para Prevenir, Sancionar e Reparar o Crime de Desaparecimento Forçado (México)
O Grupo Tortura Nunca Mais/RJ transmite na íntegra a notícia divulgada pela FEDEFAM (Federación Latinoamericana de Asociaciones de Familiares de Detenidos Desaparecidos). “La iniciativa de Ley General que hoy presentamos, responde también a la necesidad de hacer valer nuestro derecho como familiares y organizaciones de derechos humanos y populares a
América Latina
2005 – 2015 “Década de lucha contra la impunidad”
ACCIÓN URGENTE: SEGUIMIENTO Y VIGILANCIA A DEFENSORA DE LOS DERECHOS HUMANOS JANAHUY PAREDES LACHINO Número de Referencia: AU- 15-07-01/JPL/FDL Presidente de la República  Enrique Peña Nieto Las organizaciones pertenecientes a la Red de Alerta Temprana con domicilio para recibir comunicaciones Manuel María Contreras 73, Colonia San Rafael,Delegación Cuauhtémoc, 06470, México, Distrito
Eventos
Zuzu Angel – Ocupação Zuzu chega ao Rio de Janeiro
Louise Rodrigues* – Jornal do Brasil Após fazer sucesso em São Paulo, agora é a vez do Rio de Janeiro receber a mostra Ocupação Zuzu, que conta a história da estilista Zuzu Angel, morta durante o regime militar. Na capital paulista, a exposição recebeu um público de 45 mil pessoas
Denúncia
Documentários e regime militar – levantamento filmográfico
Companheir@s do GTNM, Primeiramente agradeço e enalteço a posição solidária do Grupo com relação aos ataques que estão sendo desferidos contra os movimentos sociais, que acabou gerando inúmeras prisões e perseguições a vários ativistas da FIP e outros. Desculpem-me não ter podido mais comparecer às reuniões de vocês, pois o
Acervo GNTM/RJ
Comemorando os defensores dos direitos humanas 2013 – Testemunhos, campanhas, vídeo
Em 10 de dezembro, há 65 anos, a Assembleia Geral das Nações Unidas adotou a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Hoje, nós celebramos a coragem e as realizações dos milhares de indivíduos, grupos e organizações dedicadas à defesa dos nossos direitos a qualquer risco, e para marcar a ocasião Front
Acesse também:

Mala Direta
Cadastre-se e receba informação sobre as atividades do GTNM e o movimento de luta pelos direitos humanos.

Redes Sociais
siga o GTNM